Me desculpe, estou tentando

Eu sei que é tarde demais pra falar que eu mudei de ideia

Sei que é tarde demais para você voltar atrás
Eu só quero que
me deixe
Eu entendo que está tudo confuso
Mas me deixe
Porque eu não sei o que fazer
Eu só fico pensando em todas aquelas coisas fudidas e depressivas
Como no verão passado quando olhei seus cabelos laranjas flutuado
E eu só queria poder passar a mão neles e te falar o quanto eu te acho linda
E são tantos problemas
Muitos problemas
Mas então porque uma parte de mim quer sempre me dizer que não é bem assim
Eu só queria voltar a viver
Uma vida intensa
E sonhos de férias na Califórnia
Meninas cantando blues
E música destrutiva
E toda aquela besteira de acreditar em si mesmo
Ser eu mesmo e sair por aí
Com meninas cantando blues
Meu querido amor, espero que entenda
Eu não te amo mais como tu mereces
Então me deixe ir
Só quero lembrar de você
Por cada esquina e meninas cantando blues
Deus sabe, o quanto tentei sair disso

Anúncios

[Redação: Amor ao próximo]

Toma-se conhecimento, que apesar de todas as nossas diferenças, sejam elas quais forem, não devemos nos limitar a amar ao próximo, apesar disto ser verdade, às pessoas sempre tem algo para justificar seus preconceitos com o próximo, outras são egoístas e não vêem como podem ajudar da forma mais simples o próximo, enquanto outras vivem em uma constante inércia que não faz com que abram os seus próprios olhos e vejam que estão prejudicando não só a elas, como ao próximo também.

Pode-se mencionar, que na sociedade atual existe muito mais preconceitos com o próximo e também ao meio ambiente e os animais que o amor, o preconceito é algo injustificável e que acorre por simples diferenças, sejam elas de cor, raça, classe social, como exemplo, na saga de livros e filmes Harry Potter, temos a personagem Hermione Granger, que apesar de ter uma inteligência invejável, e ser uma bruxa exemplar, sofre preconceito por ter pais que são trouxas (não-bruxos), sendo chamada até mesmo de “sangue ruim”.

Toma-se conhecimento, através de mídias, livros, jornais, revistas e até mesmo nas próprias redes sociais, como ajudar o mundo, os animais e o próximo se torna cada vez mais fácil, e de como podemos ser melhores cidadãos cuidando do planeta e cultivando a vida, sem olharmos apenas pros próprios problemas e procurando ajudar o outro nos seus problemas.

O filme Avatar, de James Cameron, apesar de ser uma animação de ficção científica, utiliza-se de uma metáfora para tratar dos problemas ambientais e da exploração de recursos naturais, dessa forma, assim como existem milhares de pessoas ajudando, existem outras que só prejudicam, jogando animais na rua quando “cansam” de tê-los, fazendo as coisas pensando apenas no próprio lucro, sem ajudar ao próximo, caso ele precise, e pior ainda, prejudicando também o meio-ambiente, como jogando aquele papelzinho pra fora da janela do carro.

Em virtude dos fatos mencionados, para cuidarmos da melhor forma do próximo, já que é com ele que dividimos vários dos nossos recursos, devemos educar as crianças desde cedo sobre os maus tratos as outras pessoas, verbalmente, e fisicamente, dos animais também, por isso, o melhor é que as pessoas podem se filiar a diversas ONG’s, para proteção dos animais, como a ONG “Cão Viver” muito conhecida pela série de livros “Minha vida fora de serie” da Paula Pimenta, o meio ambiente como o Greenpeace, entre outros, existem também trabalhos voluntários, e doações para crianças carentes, pessoas com câncer, a doação de sangue que é muito importante, e até mesmo apoio para pessoas que estão passando por momentos difíceis, e sempre tentar fazer qualquer coisa pelo outro, mesmo que pareça mínimo, faz sim muita diferença.

Teu preconceito

Eu não vim gastar seu tempo

Eu vim falar da hipocrisia, só lamento
Eu queria poder sair sozinha a noite sem ter medo de suas atitudes alheias que não respeitam o meu conhecimento
Eu queria ser quem eu sou por fora sem receber críticas mesmo que você saiba quem eu seja por dentro
Eu queria que a cor da minha pele não fosse suja pra você, não fosse errada, mas nela é que tá marcada à escravidão, uma maldição de anos colocada
Se teu preconceito fosse menor, ainda afetaria quem não se surpreende por tanta hipocrisia e por tanto equívoco da tua alma imunda de preconceito que tenta por limite e diferenças a um povo igual de sangue e que aprende com convivência todos os dias o que você não vai aprender com uma década de existência
É uma confusão mental sair na rua e ser ataca por esses tipos de animal que te espancam não só no físico mas no verbal, aquelas pessoas cheias de negatividade que não sabem a diferença entre sua sexualidade e a sua amizade, eles criticam essas “menininhas” por se vestirem “errado”, até porque cabelo curto é só de macho, e dizem que tudo isso é uma fase e que logo vai passar, que é rebeldia, é coisa de criança mimada, mas eles não sabem a verdade por trás de cada um que teve sua alma aos poucos roubada, pelo preconceito alheio de pessoas mal informadas, pessoas erradas, e pessoas hipócritas de alma
A minha religião e os meus princípios não te dizem nada, eu posso ser budista, wiccana, judia, mas o teu Deus não tem que ser o meu Deus, eu não preciso acreditar no teu Deus, e pasmem, talvez eu acredite, estando na igreja, no centro, ou no terreno de macumba, mas o teu jeito não me surpreende, tu é gente preconceituosa e se diz querer “ajudar”, eu agradeço a sua ajuda, e digo que não precisa porque eu sou ateia, e se duvidar eu conheço mais esse teu Deus do que você mesma.
Quem aqui tá falando de preconceito não tem moral pra falar, eu sou branca, de família da classe média, não sou gay nem lésbica, mas assim como todo mundo, já sofreu esse tipo de ignorância, até porque eu não sou filhinha de papai por ter estudado em uma escola particular, eu não sou macumbeira se eu sempre quis ser espírita mas eu nunca consegui expressar isso pra sociedade e nem pra minha própria família que tá cheia de injúrias e preconceitos, eu não sou um objeto pra tantos homens que um dia me sujaram com olhares, frases imundas e mãos bobas, e os comentários de amigos da família quando eu ainda nem tinha noção do que era isso falavam “Quando crescer ela vai da trabalho”, quem eram esses homens que podiam opinar sobre quem eu era e quem me tornaria por fora? Eu vim falar de preconceitos, machismo, e violência, mas isso já tá tão claro, quantas vezes as pessoas precisaram se humilhar por estarem presas a preconceitos do passado e cometeram equívocos ao falarem o que é certo ou errado, e julgarem o outro a parti de uma ideia que não faz sentido, isso tá errado, os anos já passaram, então porque ainda existe essa senzala?

 

Notas sobre a Kay

Ela é minha meia prima, ela é minha meia irmã. Com aquele sorriso que destrói corações, aquele sorriso que é constelação. Aí daquele que um dia lhe amará, porque difícil será sair dessa magina. Ela gosta de desenhar seus dias, gosta de sentir cada traço dos seus dedos até o coração. Ela é fofa, ela é foda, ela é fria, ela é chuva em meio a seca. Essa menina que encanta desde os seus cachinhos até o tom da sua voz. Aí daquele que um dia lhe amará, pois preso à ela sempre estará. 

20:45

Aquele dia era diferente de todos, logo cedinho o menino podia olhar pela janela do seu quarto a manhã alaranjada de domingo, ele poderia passar horas naquela janela, mas precisava descer às escadas, se arrumar, ir até o correio, deixar uma das milhares de cartas pro mesmo endereço e voltar; As cartas eram relatos da sua vida pra sua melhor amiga Jane, que lhe mandava sempre respostas, aquele dia tão bonito se fechou, e uma forte chuva, fria, e demorada chegou. O menino já sabia, aquele nunca viria ser um dia feliz, nem mesmo bonito, ele sabia que qualquer dia era o dia bonito, mas aquele não seria nunca, aquele dia se repetia dentro dele por anos, ele não queria que fosse assim. Jane às 20:45 da noite, naquele mesmo dia, teria saído de casa, encontrado com uma velha amiga de infância, bebeu um pouco, e voltou pra casa, no meio do caminho, atropelou alguém, ela estava nervosa e fugiu, 1 semana depois soube que a vítima estava morta, seu melhor amigo também havia morrido.

Caô

Ontem eu fiquei muito deprimida, eu fiquei fora o dia inteiro, vi minhas amigas e mesmo assim fiquei muito triste, pq ultimamente eu tenho ficado descontente comigo mesma, e eu não sei explicar porque, e eu to tão perdida, não sei quem eu sou, to muito confusa, sinto falta de algumas coisas e algumas pessoas, e eu chorei muito, muito mesmo, e ele me ligou pra dizer que me ama, e eu só consegui chorar mais ainda e não consegui falar nada, não consegui falar que amo ele também pq as lágrimas não deixaram, mas ele sabe que eu amo ele, e apesar de tudo, agora eu já posso falar, ainda to muito mal e to com medo de que a depressão tenha voltado, mas já aprendi a conviver com ela, e pelo menos com ele não me sinto sozinha mesmo que ele não esteja aqui

Desapropriação de você 

Eu estava olhando água cristalizada se tornar algo vermelho, se tornar sangue. Você era uma representação de como eu queria ser, de como eu nunca quis ser. Eu queria olhar nos teus olhos e ser sincera ao falar com você, mas eu só sinto vontade de vomitar quando vejo teu sadismo, quando tu me mostra ser superior, como se eu fosse uma submissa do teu ódio, do teu rancor. Me faça um favor, não diga nada a respeito do que aconteceu, não pense em mim no caminha de volta pra casa e nunca se arrependa, seja frio, seja calculista, seja mal, do jeito que você sempre foi. Queria te falar coisas lindas mesmo que fossem coisas ruins, quero te abraçar e meter uma faca pelas suas costas. Aquele sangue derramado era meu prêmio, me livrei do que era meu maior tormento, e pude lhe dizer adeus depois por eu insuportavelmente te amar e por isso tu não deve existir no mesmo mundo que eu.

Hoje eu sonhei com você 

Parecia feliz quando eu te olhei, me senti boba quando você sorriu pra mim, e foi bom aquele abraço que te dei, hoje eu sonhei com você, sonhei que você me fazia sorri e até me irritava, sempre sendo você, carinhoso, eu disse que tinha que ir e você ficou meio triste, mas você tinha outras coisas pra fazer, a gente não podia ficar pra sempre lá, mas se eu pudesse congelaria o tempo e todos só pra gente ficar quanto tempo fosse possível lá, mas não pude, mas não esqueço de como você sorriu pra mim, de como teus cachinhos estavam perfeitamente enroladinhos, de como foi bom estar nos teus braços outra vez, porque hoje eu sonhei com você.

Só coisas que não consigo te falar

Não queria sentir que você esta indo embora, mas fica, só pra ser o motivo das minhas palavras, ou pra ser o motivo das minhas lágrimas. Eu queria estar aí, e na verdade estou com você, então porque sinto que aos poucos estou ficando sozinha? Não consigo parar de pensar o quanto queria que você não existisse por me arrancar sentimentos tão puros e impróprios. Tenho vontade de arrancar esse teu coração só pra mim, tenho certeza que você também quer tirar o meu. Ah como é ruim, como é ruim ser amado e amar, mas ser privado de um abraço, ser privado de vê teu sorriso, de ouvir tua voz, de olhar nos teus olhos, sentir seus braços em volta de mim e os seus lábios nos meus, sinto sua falta.

Amor

 Vamos falar um pouquinho sobre o amor? É, esse sentimento que confunde, complica, e é a nossa base ou nem um querer da vida. Amor essa palavra pequena que demonstra grandes coisas. Tem amores conhecidos, amores a primeira vista, amores opostos, mas sempre amores. Nem sempre acreditei no amor, e não acredito agora, estou esperando que mostrem-me o contrário, porque talvez o amor só seja uma grande admiração por alguém, só que amor de verdade te faz querer mais que só admirar. Hoje eu falo de amor não por dúvidas, falo pela saudade que vou sentir, mas eu sei que você volta logo, logo. Amor a gente não sabe quando começa a sentir, a gente não sabe nem o que sente, só sabe que é amor quando o outro não tá presente, e bate aquela saudade, ou quando o outro tá presente e aquelas borboletas começam a voar de um lado pra outro sem parar dentro de você. É difícil falar de amor, só fala quem sabe, só fala quem já sentiu, e pela primeira vez sinto algo diferente por alguém, e algo me diz que é o amor. Eu realmente não acredito no amor, então porque estou sentindo isso tudo aqui dentro?